skip to Main Content

Empresário dedica tempo para ensinar, de graça, profissão a jovens em Curitiba

Jovens moradores do Caximba estão prestes a concluir um curso gratuito que pode os projetar para uma carreira com muitas oportunidades no mercado de trabalho. Eles estão tendo aulas práticas para consertar smartphones, notebooks e também de como empreender, já que o curso dado por um empresário voluntário contempla dicas de relacionamento com clientes e até mesmo de precificação dos serviços.

Entre os alunos de Hélcio está a jovem Pricila Witt, que já tem planos para aplicar os conhecimentos adquiridos no curso feito no CRAS. “Meu cunhado tem uma assistência técnica e me vejo podendo ajudar ele lá na frente. Montar um notebook, por exemplo, é a parte mais difícil e penso que é muito importante saber o que estamos fazendo”, disse a moradora do Caximba.

A jovem Gabrielly de Oliveira vê o curso como uma oportunidade de aprender uma profissão que está em alta. “Tudo é tecnologia atualmente. Pretendo me aperfeiçoar e vejo que a tecnologia é o caminho”, disse a jovem de 19 anos.

“Tecnologia é o caminho”, disse Gabrielly de Oliveira. Foto: Gerson Klaina.

O presidente FAS, Thiago Ferro, ressalta que o objetivo é oferecer cursos profissionalizantes afinados com o mercado de trabalho. “Hoje entendemos que a tecnologia, seja de hardware (equipamentos da informática), como o curso dado na CRAS Caximba, quanto de software (sistemas), é o emprego do futuro e adolescentes se interessam muito”, disse. Um exemplo é o número de inscritos para o 1º Empregotec: 1,7 mil. “Uma área com empregabilidade praticamente certa”, ressaltou Ferro.

Segundo dados da Associação das Empresas Brasileiras de Tecnologia da Informação no Paraná (Assespro-PR), Curitiba tem hoje 6 mil vagas de trabalho em aberto na área de tecnologia.

Fonte: TRIBUNA

 

Veja também:

NOTA INFORMATIVA Nº 179/2022

Boletim Político, Notas Informativas
Confira a Nota Informativa nº 179/2022
Continue lendo
Back To Top