skip to Main Content

Inteligência artificial na gestão contábil oferece avanços de governança ao agronegócio

Integração entre soluções tecnológicas voltadas às atividades fins da cadeia produtiva do agro e inovações repercute no dia a dia dos negócios, atestam CEOs de empresas

Com um pé no presente e de olho no futuro, empresas ligadas ao agronegócio investem em novas tecnologias que melhoram o dia a dia de suas operações. São investimentos tanto na gestão automatizada de suas atividades fins quanto na gestão contábil, fiscal e financeira. Nesse processo, um recurso importante: a inteligência artificial.

A integração entre soluções dessas diferentes funcionalidades – de um lado, as relativas ao core business (atividade fim) da empresa; de outro, ao backoffice (atividades de suporte) – tem representando avanços em governança. O que, consequentemente, repercute em ganhos aos negócios de um modo geral, conforme atestam relatos de representantes desses players.

Em Curitiba, por exemplo, a Agrotis (empresa que desenvolve soluções tecnológicas que facilitam a operação e a gestão de produtores rurais, fornecedores de insumos, silos, agroindústrias e outros elos dessa cadeia produtiva) passou a oferecer a seus clientes solução que incorporou da Roit, empresa de inteligência artificial para gestão contábil, fiscal e financeira de organizações.

Nesse caso específico, a Roit completou a solução AgrotisOne, que foi desenvolvida pela Agrotis em parceria com a SAP sobre a plataforma SAP BusinessOne. Rotinas foram substituídas por fluxos de processos hiperautomatizados, com análise de dados impulsionada pela inteligência artificial.

“A governança que o sistema com a rotina da Roit proporciona é muito poderosa. Agora, com software com inteligência artificial embarcada, os gestores economizam em processos com mais segurança fiscal”, destaca o CEO da Agrotis, Manfred Leoni Schmid.

Ele acrescenta, ainda, que a incorporação da nova tecnologia impactou positivamente a governança também dos clientes da Agrotis. 

“Automatizamos o presente e prevemos o futuro, essa é a transformação disruptiva pela qual a gente está passando com a IA: prevemos cenários. Você, então, fica preparado. Não é bola de cristal, para dizer 100% o que acontecerá, mas uma boa probabilidade, sim. A gente se contingencia para cenários”, comenta. 

Essa novidade no AgrotisOne representou ganhos também para a Roit, pois o ERP [planejamento de recursos empresariais, em tradução livre] AgrotisOne turbinado pela hiperautomação ficou tão bom que a própria Roit o adotou para sua gestão interna, conforme assinala o fundador e CEO da empresa, Lucas Ribeiro.

“Com o SAP B1 e AgrotisOne em pleno funcionamento, a Roit possui um controle abrangente sobre as atividades de compras, vendas, finanças, gestão e governança, buscando aprimorar sua visibilidade administrativa por meio dos relatórios SAP. A Agrotis se mostrou a melhor referência, a melhor empresa para nos apoiar nesse processo, nesse desenvolvimento conjunto, e tivemos bastante sucesso”, afirma.

A aproximação entre a Agrotis e a Roit contou com a atuação da Associação das Empresas de Tecnologia da Informação do Paraná (Assespro-PR), que promove ações de integração entre players do setor de inovação no estado.

Para a diretora-presidente da Assespro-PR, Josefina Gonzalez de Oliveira, este “case” envolvendo Agrotis e Roit é emblemático, porque demonstra como uma entidade de classe pode contribuir para impulsionar o setor que representa – no caso, o de inovação. Além da defesa dos interesses de empresas e instituições do setor, a Assespro-PR tem atuado para promover negócios entre elas, sublinha.

“Com mais de 300 associados, a entidade atua como unificadora do setor, como protagonista para novas soluções, como desenvolvedora de talentos e geradora de maior conexão”, ressalta Josefina.

Sobre a Agrotis

A Agrotis tem sede em Curitiba e atende mais de 2 mil clientes em todo o Brasil. A plataforma tem ferramentas e funcionalidades para a gestão operacional de vários segmentos da cadeia produtiva do agronegócio, como fornecedores de insumos, produtores rurais de vários portes, agroindústria, cooperativas, entre outros negócios correlatos. Para este ano, a Agrotis projeta um crescimento de 25% em relação a 2023.

MAIS INFORMAÇÕES

Sobre a Assespro-PR: https://assespropr.org.br/

Sobre a Agrotis: https://www.agrotis.com/

Sobre a ROIT: https://www.roit.com.br

Veja também:

PL 2838/2022 – Taxonomia Ambiental e Social | CDE: Designado Relator

Comunicados do Presidente e Diretorias, Serviços
Destacamos que tramita na Comissão de Desenvolvimento Econômico o PL 2838/2022 sob a relatoria do deputado Alceu Moreira (MDB-RS).
Continue lendo

Agenda Legislativa de 15 a 19 de julho de 2024

Agenda Legislativa, Boletim Político
Confira a Agenda Legislativa de 15 a 19 de julho de 2024.
Continue lendo
Back To Top