skip to Main Content

Número de empresas de TI abertas no Brasil triplica em dez anos, mostra pesquisa

Levantamento mostra ainda que quantidade de empresas inativas em 2021 foi cerca de três vezes menor do que de empresas criadas

O número de empresas criadas no setor de TI no Brasil triplicou entre os anos de 2012 e 2021, passando de 13,4 mil para 36,9 mil, aponta estudo publicado pela Assespro-Paraná. Nesse período, a taxa de crescimento das companhias em atividade no ramo subiu 43%.

O levantamento mostra ainda que a quantidade de empresas inativas em 2021 foi cerca de três vezes menor do que a quantidade de empresas criadas, enquanto em 2012 essa proporção era de cerca de duas vezes menor.

No país, o tempo de vida médio das empresas é de 5,6 anos. Os estados do Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro apresentam médias acima da nacional, de 5,9 e 7,4 anos, respectivamente.

Dentre os estados, a maior quantidade de companhias ativas está São Paulo (48%). Santa Catarina, Paraná e Minas Gerais apresentam médias abaixo da nacional.

A natureza jurídica predominante nas companhias de TI é a limitada (LTDA), com 61% de participação. Essa modalidade apresentou também a maior taxa de crescimento no período, de 21%.

A segunda modalidade de maior crescimento foi a sociedade anônima aberta, com taxa de 12%.

A taxa de expansão das empresas aderentes ao Simples Nacional manteve um crescimento contínuo ao longo da década, da ordem de 650%, em âmbito nacional. Esse regime de tributação passou de 9% do total das empresas, em 2012, para 41%, até maio de 2022.

Quadro societário

No período, houve redução da participação das mulheres no quadro das empresas. Estas passaram de 30% do total, em 2012, para 20% em 2021.

Já nas questões etárias, observa-se a predominância recorrente de sócios entre 41 e 50 anos ao longo dos anos. A participação de sócios com idade até 30 anos também foi crescente, passando de 3% do total, em 2012, para 33%, em 2022.

Os sócios nas demais faixas etárias (41 ou mais) perderam participação relativa no quadro das empresas.

Estrutura da pesquisa

A pesquisa sobre o panorama do setor de TI é publicada mensalmente desde janeiro de 2018, em parceria com o Departamento de Economia da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Para a composição dos dados é usado a base de informações da Receita Federal, que aponta a lista das empresas em operação, inativas ou canceladas, de acordo com o Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ).

Vale destacar que as empresas encerradas no estudo são aquelas consideradas como inativas ou canceladas pela Receita Federal no ano fiscal considerado.

Estas também podem ser eventualmente reativadas em anos subsequentes ou ter seu registro definitivamente cancelado.

Fonte: CNN Brasil

Veja também:

NOTA INFORMATIVA Nº 179/2022

Boletim Político, Notas Informativas
Confira a Nota Informativa nº 179/2022
Continue lendo
Back To Top