skip to Main Content

Estado recebe comitiva de Portugal para troca de experiências em inovação

O Governo do Paraná recebeu nesta terça-feira (16) representantes da Comunidade Intermunicipal do Cávado, sub-região do Norte de Portugal, para troca de experiências nas áreas de inovação e tecnologia. A comitiva é formada por representantes políticos das cidades e distritos de Amares, Braga, Barcelos, Esposende, Terras de Bouro e Vila Verde.

A recepção foi nas sedes da Secretaria da Inovação, Modernização e Transformação Digital (SEI) e Celepar, em Curitiba. No encontro, foram apresentados projetos do Estado relacionados à exportação de tecnologias, além de propostas para fortalecimento de possíveis parcerias entre o Paraná e Portugal.

A diretora-geral da SEI, Jéssica Ieger, destacou os bons resultados do Paraná na inovação, que recentemente foi eleito pelo segundo ano consecutivo o estado mais inovador e sustentável do Brasil pelo ranking Bright Cities, que leva em conta indicadores usados pela Organização das Nações Unidas (ONU) para guiar melhores práticas de desenvolvimento sustentável e inclusivo.

“Além das oportunidades de exportação das nossas tecnologias e possibilidade de internacionalizar empresas paranaenses, vemos Portugal como um modelo de sucesso no setor”, afirma a diretora-geral da SEI.

Entre os projetos apresentados pela pasta estão os investimentos com recursos públicos em startups paranaenses, como o Paraná Anjo Inovador, e projetos de qualificação profissional, como o Talento Tech-PR, que vai distribuir bolsas remuneradas para cursos de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC). Além disso, foram mostradas a experiência de tecnologia e conectividade no setor do agronegócio com o Plano de Conectividade Rural, que visa levar internet para área rural do Estado, e a Fábrica de Ideias, que será um dos maiores hubs de inovação da América Latina.

O presidente da Câmara Municipal de Barcelos, Mário Lopes, avaliou a visita e destacou os projetos do Paraná na área de inovação, ressaltando a possibilidade de parcerias para internacionalização de startups na Europa. “O futuro está ligado para o trabalho com cidades inteligentes. E o Paraná é uma referência, assim como a capital Curitiba, eleita a cidade mais inteligente do mundo. É uma oportunidade de vermos o caminho que tem sido trilhado e temos que buscar os bons exemplos para direcionarmos as políticas nesta direção”, afirmou Lopes.

Portugal se tornou um dos principais polos de tecnologia e inovação da Europa, atraindo investimentos de empresas e se tornando um celeiro de startups a partir de aporte de recursos públicos no setor. O país tem uma das maiores concentrações de unicórnios, empresas com valor acima de US$ 1bilhão de dólares do mundo.

Com apenas 10 milhões de habitantes, Portugal tem sete unicórnios. Ao menos quatro delas tiveram apoio ou recursos públicos para chegar ao nível de maturação e crescimento exponencial. Neste contexto, o ecossistema de inovação do Cávado é um dos mais completos da Europa, com destaque para apoio aos projetos desenvolvidos por universidades, aceleração e incubação de startups. Desde 2022, mais de 8 mil empresas foram criadas na região.

CELEPAR – Em 2022, a Celepar instituiu um escritório internacional em Lisboa, iniciativa que já proporcionou parcerias. A empresa, em conjunto com o Governo do Estado, firmou ano passado um protocolo de intenções com a Câmara Municipal de Oeiras (equivalente à prefeitura) para desenvolver parcerias em diversas áreas com a cidade portuguesa, que é parte da região metropolitana de Lisboa.

“Nossa atuação, em parceria com a SEI, é de conhecer e buscar soluções inovadoras para melhorar e facilitar a vida do cidadão com serviços públicos nas mais diversas áreas de governança, como segurança pública, finanças, trânsito, saúde e educação. Algo ilustrado no “Chamada Inteligente”, que está em testes na United Lisbon International School. O evento de hoje ressalta um dos nossos pilares, que é prospectar parcerias internacionais”, ressaltou o presidente da Celepar, Gustavo Garbosa.

A “Chamada Inteligente”, desenvolvida pela Celepar em parceria com a secretaria estadual da Educação, está implementada em 1,7 mil colégios da rede estadual de ensino do Paraná. A ferramenta consiste no controle de frequência de alunos em sala de aula por reconhecimento facial. A solução está em fase de implantação na United Lisbon International School (em Lisboa, Portugal), uma das principais instituições de ensino do país europeu e que atende 700 alunos de cerca de 50 países.

Fonte: Secretaria da Inovação, Modernização e Transformação Digital

Veja também:

Back To Top